Menu
Sua casa Sua cara

Aqui você encontra dicas, notícias, tendências, vídeos e muito mais para deixar a sua casa do seu jeito. Acompanha nosso site e veja como pode ser fácil e divertido decorar sua casa!

5 Dicas essenciais para quem vai mobiliar um apartamento 04.10.2019

Voltar

Após realizar o sonho da casa própria, é hora de mobiliar o apartamento. Preparar uma lista de compras e planejar o posicionamento de cada peça de acordo com o espaço podem até ser tarefas divertidas, mas é preciso considerar a prioridade dos móveis e eletrodomésticos essenciais.


Pensando nisso, trazemos algumas dicas incríveis para que você consiga transformar o seu novo apê e deixá-lo com a sua cara. Afinal, conquistar o sonhado apartamento demandou esforço, então é necessário mobiliá-lo de acordo com suas expectativas. Boa leitura!


1. Tenha um bom planejamento


Planejar cada espaço no ambiente é o primeiro passo. Então, comece pela medição dos cômodos do apartamento, registrando tudo no papel caso deseje — como um verdadeiro projeto. A partir daí, busque conhecer o tamanho geral de cada móvel que queira comprar.


No começo, priorize os principais e indispensáveis (cama, mesa e sofá, por exemplo). Isso é especialmente importante para fornecer uma noção mais apurada de como ficará o espaço em cada cômodo e ajuda a evitar gastos desnecessários com uma mobília que não harmonizará adequadamente com o ambiente.


2. Considere os móveis essenciais no início


Escolha primeiramente os móveis maiores e essenciais Assim, além de garantir que já tenha tudo de que precisa para mobiliar a casa que conquistou, opte por uma logística melhor: isso porque peças maiores são mais difíceis de serem transportadas e posicionadas dentro do seu lar.


Desse modo, caso priorize os móveis maiores, você garante um deslocamento mais fácil dentro do imóvel. Imagina se tivesse que transportar um armário de quase dois metros em uma casa cheia? Essa não é a melhor perspectiva do mundo, concorda?


Outro benefício importante a ser considerado inicialmente nas peças é a funcionalidade. Adquirir uma linda estante para decorar a sala sem ter uma geladeira e um fogão não é a melhor decisão. Além disso, você corre o risco de que a peça posicionada na sala atrapalhe o caminho do transportador quando ele finalmente buscar os eletrodomésticos.


Depois das escolhas principais, você poderá pensar nas peças complementares e nos acessórios em geral. Com cada peça prioritária em seu devido local, será fácil posicionar o que faltou, além de você não correr riscos adquirindo móveis que ocupem o espaço de outros mais importantes.


É claro que a tentação de adquirir tudo de uma vez pode existir, mas é preciso pensar que o processo de mobiliar o apartamento leva tempo e dinheiro. Portanto, é primordial que essa fase de planejamento priorize aquilo realmente essencial, capaz de garantir bem-estar em sua rotina diária.


Móveis multifuncionais


Considere também dar mais de uma função para o mesmo móvel. Desse modo, você diminui a quantidade de peças no apartamento, deixando o ambiente leve. Como exemplos, podemos citar banquinhos que funcionam como assentos ou mesas laterais e a chamada cama baú — que permite um melhor aproveitamento do espaço para o armazenamento de seus bens.


3. Elabore uma lista para pesquisar preços


Depois de checar as medidas do espaço, chegou o momento de preparar uma lista com todos os móveis e eletrodomésticos dos quais você realmente precisa. Nessa etapa, é fundamental definir com cuidado os modelos, medidas, cores e prioridades em geral.


Além disso, é uma boa ideia deixar um espaço na lista para registrar os valores mínimos e máximos pesquisados. Dessa forma, após realizar suas pesquisas, você conseguirá visualizar a média geral e fazer as próximas escolhas com conhecimento de causa.


Com a ajuda das buscas na internet, não é preciso gastar dias pesquisando diferentes opções. Recomenda-se buscar outros meios, mas é possível descartar todas as lojas que também operem online, uma vez que os valores praticados costumam ser os mesmos.


Assim, buscar por sites de comparação de preços é a alternativa mais rápida para montar uma boa lista. Hoje, é possível acompanhar a oscilação de valores de forma simplificada, então não é preciso desistir de uma compra logo de cara — é possível aguardar por promoções e ofertas que não comprometam o seu orçamento.


Além disso, caso a compra pela internet seja realmente a sua preferência é importante lembrar da necessidade de incluir os valores cobrados pelos fretes e pela montagem dos móveis ou eletrodomésticos. Ao juntar todos esses dados, se você obtiver um preço mais favorável em relação à compra diretamente em uma loja física, vá em frente!


Por outro lado, as lojas físicas são boas alternativas para comprar vários móveis e economizar ao negociar diretamente com os gerentes. Isso porque é difícil solicitar condições mais favoráveis via chat online, por exemplo.


4. Não descarte os móveis usados


Antes de realizar o sonho da casa própria, você já possuía algum móvel em bom estado ou que valesse a pena recuperar? Trata-se de um ótimo caminho para economizar bastante dinheiro, principalmente quando falamos em mobiliar um apartamento inteiro. Também é possível buscar por peças mais baratas em brechós, feiras e grupos de redes sociais.


Além disso, não custa nada consultar vizinhos, parentes e amigos próximos. Sempre há alguém com um móvel sem uso do qual gostaria de se desfazer. Porém, não se comprometa com nada cujo custo de reforma seja superior ao de uma peça totalmente nova.


5. Crie um cronograma para mobiliar o apartamento


Depois de levar em conta todas as dicas que deixamos até o momento, chegamos à parte que pode ser a mais atraente para alguns: preparar-se definitivamente para as compras. Se você acompanhou com atenção todos os nossos passos, cada aquisição tem tudo para ser a melhor possível.


Todas as compras devem ser bem estudadas para que seu orçamento mensal não fique comprometido. Dessa forma, prepare um cronograma com o objetivo de determinar quais móveis (e eletrodomésticos) serão adquiridos, sempre levando em consideração a ordem de importância e os preços.


Nesta última etapa, você deve combinar sua lista de compras ao seu orçamento para ter uma ideia mais apurada de quanto se deve gastar em cada mês. Como vimos, mobiliar seu apartamento é um processo prazeroso, mas requer alguns cuidados para que não haja um comprometimento de suas finanças.


Curtiu o post e quer continuar lendo sobre casa própria, decoração e muito mais? Então, siga-nos nas redes sociais: estamos no Facebook,Twitter, YouTube e LinkedIn!

DICAS RELACIONADAS

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES MRV

Telefone*:
Telefone